Imprimir

Agradecimento ao Cadáver Desconhecido para Convites de Formatura

(7 votos, média de 2.43 em 5)

AO CADÁVER DESCONHECIDO
Àqueles sobre cujo peito não derramaram lágrimas de saudade. Sobre cuja fronte, não se depositou o beijo do adeus. Sobre cujo ataúde, não se jogaram flores. Por cuja alma, não se acenderam velas. De cujo nome não se soube. Compreenda o teu papel. Veja o pedestal em que te colocamos. Perdoa a sociedade em que viveste. As glórias que teu trabalho não te deu em vida, tu as tens agora. Tu és fonte de conhecimento para nos ensinar.

AO CADÁVER DESCONHECIDO
Ao curvar-te com a lâmina fria de teu bisturi sobre o cadáver desconhecido, lembra-te que este corpo nasceu do amor de duas almas, cresceu embalado pela fé e esperança daquela em que em seu seio o agasalhou, sorriu e sonhou os mesmos sonhos das crianças e dos jovens. Por certo amou, foi amado e sentiu saudades dos que partiram. Acalentou e esperou um amanhã feliz e agora jaz na fria lousa, sem que por ele tivesse uma lágrima sequer, sem que tivesse uma só prece. Seu nome só Deus o sabe... Mas o destino inexorável deu-lhe o poder e a grandeza de servir à humanidade que por ele passou indiferente. Este é o lugar em que a morte se ufana em socorrer a vida!

AO CADÁVER DESCONHECIDO
Àquele sobre cujo peito não se derramaram lágrimas de saudades, sobre cuja fronte não se depositou o beijo de adeus, sobre cujo ataúde não se jogaram flores, por cuja alma não se acenderam velas, de cujo nome não se soube, de cujos brasões não se escreveu história, mas cuja memória haja de ser perpétua como a fé, eterna como a esperança, inolvidável como a saudade, grande como seu altruísmo, eloqüente como seu gesto, dando tudo à mesma humanidade que tudo lhe negara.

Convites de Formatura

box01

Nossos Produtos

box02

Fale Conosco

box03